sexta-feira, 23 de julho de 2010

Massagem do períneo

Aqui fica um excerto de um artigo que me enviaram do "Sapo": http://familia.sapo.pt/johnson/calendario_de_gravidez/o_seu_corpo/828842.html:
Muitos médicos recomendam massagens perineais (a zona em redor da vagina) para ajudar a evitar rasgões durante o parto. Nem toda a gente se sente confortável a fazer esta massagem, e não é garantido que ajude em todos os casos, mas, se quiser tentar, é agora a altura de começar. Veja como se faz:
* Lave as mãos e depois sente-se num local quente e confortável, afastando as pernas numa posição semi-reclinada. Aplique nos dedos e nos polegares óleo de vitamina E (de cápsulas de vitamina E) ou óleo vegetal puro, bem como em redor do períneo.
* Introduza os polegares cerca de 2,5 cm a 3,5 cm no interior da vagina (até ou um pouco após a articulação da falange). Ao mesmo tempo, comprima para baixo, em direcção ao recto, e para fora, em direcção aos lados. Suave e firmemente, continue a esticar até sentir um ligeiro ardor ou pontada. Mantenha este estiramento durante cerca de 2 minutos — até o incómodo começar a desaparecer.
* Massaje lenta e suavemente a parte inferior do canal vaginal, para a frente e para trás, cruzando os polegares nos lados do canal vaginal e puxando suavemente estes tecidos para a frente, do mesmo modo que fará a cabeça do bebé durante o parto. Mantenha esta pressão durante cerca de 3 a 4 minutos.
* Proceda com suavidade, dado que um movimento vigoroso pode magoar ou provocar o inchaço destes tecidos sensíveis. Durante a massagem, evite pressionar a uretra (abertura de passagem da urina), já que pode causar irritação ou infecção.

Sem comentários: