quinta-feira, 5 de agosto de 2010

35 Semanas!

Faltam 5 semanas para as 40 semanas de gravidez. Já pareço uma bola. Demorei a notar as alterações no meu corpo, mas nas últimas semaninhas essas alterações têm estado bem visíveis.

Hoje vou a mais uma aulinha de preparação para o Parto. Na última aula falámos acerca do parto em si e do que podemos esperar. Foi muito bom trocar dúvidas com as outras grávidas. Faz-nos sentir bastante apoiadas e sem medo de expor os nossos próprios pré-conceitos, ideias feitas de quem nunca foi mãe e que absorve tudo o que lê e que ouve.

Às 34 semanas, dizem que...


...O bebé pesa agora cerca de 2,150 kg e tem provavelmente pouco mais de 45 centímetros do topo da cabeça à planta dos pés. O sistema nervoso central está ainda em fase de amadurecimento, mas os pulmões já se encontram bem desenvolvidos. E esta é uma boa notícia caso decida nascer mais cedo do que o previsto.



Caso a ideia de parto prematuro tenha sido para si causa de ansiedade, ficará satisfeita por saber que 99% dos bebés com este tempo de gestação conseguem sobreviver fora do útero.
Hum... essa ideia passou-me sim pela cabeça, principalmente quando caí e tive de passar a noite no Hospital. Confesso que na altura a ideia me assustou imenso.


O seu corpo esta semana



Ultimamente é possível que se sinta um pouco cansada e isso é perfeitamente compreensível, dadas as alterações a que o seu corpo tem sido sujeito. Permita-se abrandar o ritmo e poupe energia para o dia do parto. Se passar muito tempo de pé, tente usar uma cinta de maternidade que apoia a barriga e ajuda a redistribuir uma parte do peso.

Pois é verdadinha! Estas newsletters da Sapo de facto até dão algum jeito. Quem conhece/usa estas cintas? Eu tenho uma mas não sei se é a ideal porque não noto grandes mudanças, além do calor que me faz.

Agora que já tenho 35 semanas de gravidez, diz-se que...


O bebé está a ficar grande. Pesa um pouco mais de 2,200 kg e tem quase 46 centímetros de comprimento, da cabeça ao calcanhar. Naturalmente, ainda está enroscado dentro de si: está a ficar tão apertado no seu útero que o bebé já não está na verdade a flutuar e já não é provável que consiga dar grandes voltas. Mas um espaço mais confinado não significa que se mexa menos; o bebé deverá continuar a dar pontapés com a mesma frequência de sempre. Se notar uma redução dos movimentos, fale com o seu médico.
Eu noto realmente é um maior desconforto com os movimentos que ele faz. Estava sentado na última ecografia, as esperanças de dar a volta começam a ser cada vez mais escassas.

2 comentários:

♥ Marta ♥ disse...

Olá,

Sobre a tua questão das fraldas, ainda é um pouco prematuro pronunciar-me só as estou a usar há 2 dias. Para já estou a gostar, comprei um pack de 12 de diferentes marcas para ver quais gosto mais.
Não são tão práticas como as descartáveis, é óbvio, em vez de deitares fora tens que as lavar, mas também não é nada demais.
Bjs

efilipe disse...

Obrigada pela tua resposta Marta. Espero por aqui a tua visita sempre que quiseres!