sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Barra da Costa

A pouco gostei de ouvir Barra da Costa, no programa Você na TV, da TVI, falar acerca dos incendiários e dos pirómanos. É um homem que fala sem papas na língua e que não se importa se fere consciências.
Gosto de pessoas assim.

Mais do que discutir meios de combate aos fogos e responsabilidades, é ainda mais importante trancar os culpados. Castigá-los pelo mal que fizeram. Este ano, em que até já houve mortes, muitos danos a registar, pessoas que ficaram sem o sustento da sua vida, quem será responsabilizado? Não se pode apenas pôr os culpados em prisão domiciliária ou num desses regimes abertos em que durante a semana são cidadãos livres, para poderem fazer o que quiserem.

Não temos capacidade para tratar de forma adequada esta questão?

Muito já se poderia ter feito no passado. E, agora, até me estou a lembrar de um outro senhor, Alberto João Jardim que diz não ser a favor da justiça popular, mas se as pessoas defendessem as suas terras destes bandidos... era defesa pessoal, defesa de um património que é de todos nós e para o qual todos pagamos. Bem vistas as coisas...

Sem comentários: